Coaching para advogados

Coaching para advogados

O coaching para advogados se apresenta como solução das mais relevantes para quem busca dar um salto de qualidade em sua atuação. No entanto, isso ainda não é consenso entre os membros do mercado jurídico, que preferencialmente investem em qualificações que dizem respeito exclusivamente a matérias ligadas a operacionalização do Direito.

Acontece que advogar, seja como autônomo ou fazendo parte de uma sociedade de advogados, vai muito além disso. O que se espera, hoje, do profissional é que ele além de entregar valor a seus clientes dando encaminhamento às demandas apresentadas, faça a gestão do escritório, o que envolve deter habilidades ligadas a administração, gestão de pessoas, marketing, entre muitos outros aspectos.

E é exatamente aqui que o coaching para advogados pode fazer toda a diferença. Se valendo do know how e qualificação que um profissional deste segmento oferece é possível ter uma percepção da própria carreira, de modo a se identificar riscos, fragilidades e oportunidades de crescimento.

Conferindo o post de hoje você poderá entender como tudo isso acontece na prática. Acompanhe!

Como funciona o coaching para advogados?

Para quem ainda tem pouca familiaridade com o universo do coaching, é importante entender que se trata de uma metodologia para desenvolvimento de recursos e alcance de metas em diversas áreas da vida. Como não poderia ser diferente, o coaching no campo profissional é um dos mais visados e ao contrário do que muitos pensam, advogados não só podem, como devem buscar este tipo de solução.

Basicamente, o coach (profissional que conduz o processo de coaching) orienta o coachee no sentido de identificar fragilidades em sua forma de atuação e, ao mesmo tempo, potencializar suas próprias virtudes. Tudo isso de forma contextualizada ao cenário em que o profissional atua e pautado por orientações objetivas para que ele possa transformar sua realidade.

De maneira geral, temos um processo estruturado nas seguintes etapas:

1. Processo voltado para reflexão, investigação e conscientização;

2. Identificação de riscos e oportunidades;

3. Crescimento da consciência de si mesmo;

4. Aumento da capacidade de se responsabilizar pelos seus próprios atos;

5. Feedback sobre todas as etapas do processo.

Quando buscar um coach para advogados?

Podemos afirmar com alguma segurança que não existe nem melhor nem pior hora para buscar um coach para advogados. Isso porque, seja no melhor ou no pior cenário, esse tipo de profissional tem excelentes condições de alavancar sua carreira.

Trata-se de receber a orientação de alguém com o olhar apurado para desenvolver o potencial humano sob diversos aspectos. No caso do advogado, pode se tratar de questões como: inteligência emocional, relacionamento interpessoal, capacidade de trabalho, organização de uma rotina produtiva e a incorporação de tantas outras competências.

O que esperar em termos de resultados?

Como qualquer metodologia ou capacitação voltada a treinar um profissional, o coaching exige grande entrega por parte de quem se submete a ele. Quem espera bons resultados, portanto, deve estar disposto a implementar todas as resoluções construídas conjuntamente ao longo do processo e passar por um constante esforço de avaliação sobre as mudanças em curso.

O que pode ser animador para quem pensa em começar, é o desempenho alcançado por quem já testou ou vem testando essa solução. Há relatos de melhoras sensíveis de pessoas de todos os tipos de carreiras já nos primeiros meses depois de iniciado o processo de coaching.

Com o post de hoje, esperamos ter trazido os melhores esclarecimentos sobre o tema coaching para advogados. Como se pode perceber, essa é uma solução das mais interessantes para quem pensa em alcançar uma qualificação que vai além da técnica jurídica em si ou outros aspectos estritamente ligados a operacionalização do Direito, conferindo um ganho a sua carreira que falta, hoje, a maioria dos profissionais.

E agora que você já sabe tudo sobre coaching para advogados, que tal conferir mais um conteúdo exclusivo no blog da Promad sobre Virtudes que um sócio-gestor de um escritório de advocacia deve ter.