Seu escritório está sofrendo com a perda de prazos? Descubra como acabar com isso!

⏰ TEMPO DE LEITURA: 4 MINUTOS |

A perda de prazos traz danos não apenas para o cliente. Ela também afeta a imagem do escritório e prejudica novas indicações. Contudo, nenhum advogado perde um prazo propositalmente. Existem diversas razões que fazem com que seus compromissos saiam do controle!

Para evitar a perda de prazos, primeiramente, é preciso entender os motivos. Além disso, usar recursos que auxiliem na organização do dia a dia também é essencial.

Hoje, a maioria dos advogados lida com uma agenda multitarefa e por isso não é simples organizar a própria rotina. Por isso, além de se comprometer com gestão de tarefas, o advogado deve usar as ferramentas certas, que auxiliam na otimização do tempo e também na coordenação do escritório.

Para saber como evitar perder prazos e organizar a sua rotina de vez, não deixe de conferir!

Monitore os andamentos e recebA suas intimações automaticamente

Muito escritórios ainda fazem o controle de publicações mecanicamente, consultando o Diário Oficial. Também é comum encontrar advogados que monitoram seus andamentos consultando os sites dos tribunais e fazendo diligências nos fóruns. Esses métodos tradicionais, além de sujeitos a falhas, consomem um bem precioso do advogado: o tempo.

Com um software jurídico é possível cadastrar seus processos no sistema e a ferramenta se encarrega de te notificar das intimações, bem como, de mudanças no status do andamento. Com esse recurso, o advogado automatiza essas atividades, otimizando o seu dia a dia e diminuindo as chances de perder seus prazos.

Tenha uma boa gestão de tarefas e compromissos

Como explicamos, nenhum advogado perde prazos porque quer. Muitos acabam deixando os prazos passar porque simplesmente não conseguem organizar a própria rotina. Hoje, a maioria dos advogados lida com um dia a dia atribulado, que requer a execução de múltiplas e distintas tarefas. Para evitar que a sua lista de tarefas acabe te engolindo, é preciso tomar as rédeas da situação e se organizar de forma inteligente.

Um software jurídico substitui a agenda de papel e organiza seus compromissos de forma muito mais eficaz. Além de programar a ferramenta para receber alertas automaticamente, o advogado tem maior facilidade para visualizar seus compromissos e saber exatamente aquilo que precisa cumprir. Com o software do PROMAD, o advogado pode integrar o Google Agenda, que ajuda no gerenciamento do seu dia a dia.

[Quer saber mais sobre os benefícios de ter um software jurídico integrado ao Google Agenda? Então, não deixe de conferir!]

Além de ganhar em tempo, o advogado ganha em produtividade e deixa de perder prazos com facilidade.

Fique atendo a contagem dos prazos

Outro motivo que colabora com a perda de prazos é a chamada “força do hábito”. Sim, alguns advogados estão tão habituados a contar prazos no sistema do antigo Código de Processo Civil que acabam se perdendo.

O Novo Código de Processo Civil deixou de contar os prazos de forma corrida. Com a nova lei, apenas os dias úteis contam.

Para evitar a perda de prazos, ou mesmo se confundir na contagem, um software jurídico pode ajudar você. Como ele organiza as informações de forma mais simples e mais visual, fica mais difícil se embaralhar com a contagem.

Atribua tarefas ao time e elimine a perda de prazos

Um software jurídico contribui para o trabalho em equipe e facilita a comunicação interna. Porém, de nada adianta a ferramenta, se os membros do escritório não sabem exatamente o que precisam fazer no seu dia a dia.

Um dos grandes motivos da perda de prazos são as falhas na comunicação. Por isso, além de contar com uma boa ferramenta, é essencial atribuir as tarefas para cada membro do time e trabalhar as lideranças dentro do escritório.

A perda de prazos é um problema sério e que pode trazer muitas consequências negativas para a sua banca. Por isso, investir em ferramentas e organizar a rotina diária é algo que não deve ser deixado de lado por nenhum advogado!

Gostou dessas dicas? Então, não deixe de conferir essas dicas para melhorar a comunicação interna do seu escritório! Clique aqui e saiba mais!