5 razões para ter um cadastro atualizado de clientes

Um bom relacionamento entre o advogado e o cliente é o que mais influencia na contratação de serviços jurídicos. No entanto, à medida em que a sua cartela de clientes aumenta, pode ficar cada vez mais difícil oferecer um atendimento individualizado e de qualidade para todos. Você concorda?

E como solucionar essa questão, visto que a falta de atenção pode promover até mesmo o fim de um contrato? A resposta é: por meio de um cadastro atualizado de clientes.

Esta prática bastante simples oferece suporte à diversas atuações do escritório que vão desde o atendimento individualizado, até a comunicação mais genérica. Por isso, dar a devida atenção ao cadastro de clientes é fundamental, especialmente no que se refere à atualização.

Se você não possui alguém responsável para atualizar os cadastros de clientes ou acredita que pode melhorar este feito no seu escritório, continue a leitura. Aqui, você irá descobrir por que deve dar a devida atenção a essa atividade.

1. Avisar seus clientes sobre atualizações de forma eficiente

Uma das principais funções de um cadastro atualizado de clientes é mantê-los informados sobre fatos que são do seu interesse. O início das férias forenses, a entrada de um novo advogado no time do escritório e até um novo posicionamento da jurisprudência são apenas alguns exemplos de fatos que podem impactar no dia a dia dos deles.

Porém, de nada adianta fazer a comunicação de questões importantes se elas não chegam ao seu destinatário final. E é justamente por isso que é fundamental promover a atualização do seu cadastro de forma periódica e constante.

2. Melhorar o relacionamento

Enviar uma mensagem no aniversário, em datas comemorativas ou ainda encaminhar informações sobre o seu caso. Todas essas condutas demonstram cuidado e atenção com o cliente e ajudam a melhorar o relacionamento. Nada melhor do que uma boa comunicação para estabelecer um vínculo de confiança e segurança. E certamente, com um cadastro atualizado, isso se torna mais fácil.

Um cliente que gosta dos seus serviços, não apenas pode contratá-lo para novas demandas como pode te indicar para amigos e familiares. Fidelizar um cliente, como já é sabido, é muito mais barato e eficiente do que investir em prospecção. Por isso, não deixe de lado ferramentas importantes como o cadastro de clientes na hora de melhorar o relacionamento e fidelizar cada vez mais a sua cartela.

3. Melhorar o atendimento

Todo cliente paga valores consideráveis pelos serviços jurídicos e merece um tratamento VIP. No entanto, os advogados também possuem uma agenda atribulada e, para dar conta de todas as tarefas, é inviável passar horas ao telefone ou fazendo reuniões apenas com o objetivo de satisfazer o cliente.

Para evitar a insatisfação, o segredo é investir em um bom atendimento por parte de todos os advogados. Em outras palavras, independentemente de quem atender o cliente no escritório, é preciso que o cliente saia satisfeito. Uma boa ficha de cadastro e a atualização oferecem ao advogado todas as informações que ele precisa para atender o cliente. O cadastro beneficia não apenas o cliente em si, como toda a integração e engajamento interno.

4.  Diminuir os índices de inadimplência

Diante de uma rotina corrida, é cada vez mais comum lidar com casos de clientes que simplesmente se esquecem de pagar seus honorários. Obviamente todo escritório tem medidas para lidar com a inadimplência. Mas, por que não evitar esse tipo de transtorno? Diversas empresas de cobrança utilizam os lembretes como um recurso para evitar a inadimplência. E, acredite, eles trazem resultados!

Então, que tal utilizar o seu cadastro de clientes para enviar lembretes sobre o pagamento dos honorários? Esta é uma medida simples que pode contribuir com a saúde financeira do seu escritório sem maiores transtornos. Porém, novamente, é necessário que o lembrete chegue até o cliente.

5. Aprimorar o marketing jurídico

Como todo advogado sabe, a OAB restringe uma série de ações quando se trata de promover os serviços jurídicos. Por isso, é muito importante ter o cuidado de não transformar o seu banco de dados de clientes em um mailing de vendas.

Se for utilizá-lo como base para um e-mail marketing, certifique-se de que o conteúdo difundido tem caráter de informação e não de promoção dos serviços jurídicos.

Um cadastro de clientes é uma ferramenta essencial para os escritórios de advocacia atualmente. Por isso, é não abra mão deste recurso. A boa notícia é que o advogado não precisa mais de complexas planilhas para manter um cadastro atualizado de clientes. Com o auxílio de softwares jurídicos, o profissional tem à sua disposição recursos eficientes que otimizam o processo de cadastramento e também de atualização.

Contar com esse recurso pode significar não apenas clientes satisfeitos, como também agilidade e economia de tempo. Reflita!


Você ainda não possui um cadastro eficiente de clientes? Então teste grátis e saiba como um software jurídico pode melhorar a relação com a sua cartela!