A importância dos selos de qualidade na advocacia

selos de qualidade

A reputação é um dos fatores que mais pesa na hora de um cliente fechar um contrato de honorários. Pelo menos é o que afirmou uma pesquisa realizada pelo anuário Análise na Advocacia, em 2009.

Embora a pesquisa não seja recente, todo profissional sabe que uma boa reputação no mercado é essencial para atrair mais clientes e, consequentemente, fechar mais contratos. Afinal, boa parte da relação advogado-cliente está baseada na confiança e na segurança que o profissional transmite.

Porém, como construir uma boa reputação? E, mais do que isso, quais são os elementos que garantem que um escritório ou um profissional, de fato, são reconhecidos no mercado? A resposta pode estar nos selos de qualidade e para saber o que são e como eles beneficiam o advogado, não deixe de conferir!

Selos de qualidade na advocacia: o que é?

Selos de qualidade na advocacia nada mais são do que certificados de reconhecimento que podem ser dados tanto ao escritório quanto ao advogado. Esses selos são oferecidos por instituições específicas que se dedicam a pesquisar o mercado e a opinião de clientes.

Um dos selos mais conhecidos é o do anuário Análise Advocacia 500 que, à exemplo de publicações internacionais como o Latin Lawyer, Chambers & Partners e Who’s who legal, também se transformou em uma referência no mercado.

Embora esse tipo de selo não certifique a qualidade dos serviços jurídicos oferecidos por um escritório ou um profissional, ele expressa a opinião da clientela a partir de inúmeras pesquisas realizadas durante o ano.

Hoje, este selo é considerado como uma das principais referências no mercado e alguns departamentos jurídicos só contratam escritórios que estão presentes na publicação.

Outro selo que vem ganhando notoriedade é o Referência Nacional & Qualidade Empresarial oferecido pela ANCEC (Agência Nacional de Cultura Empreendedorismo e Comunicação), que também vem premiando inúmeros escritórios em âmbito nacional.

A reputação e os selos de qualidade na advocacia

A reputação, como explicamos, ainda tem muito valor no mercado, especialmente na hora de atrair clientes e fechar contratos. Para quem quer melhorar a reputação e conquistar selos de qualidade é essencial investir em ações estratégicas que visem a melhoria da experiência do cliente.

Infelizmente, muitos advogados não enxergam o próprio escritório como uma marca. Além disso, estão focados em atividades operacionais e de gestão e acabam se esquecendo desse fator tão importante que é o relacionamento com o cliente.

Para melhorar a experiência do cliente, do atendimento à entrega, uma boa dica é realizar pesquisas com a sua cartela. Sabendo o que os seus clientes acham dos seus serviços, você já tem uma boa ideia de onde pode melhorar.

[Curioso para saber o que seus clientes acham dos seus serviços? Então, confira o que é o NPS aplicado na advocacia!]

Além disso, organizar as rotinas do escritório e usar ferramentas que melhorem a produtividade e a comunicação é outra dica. Com um software jurídico, por exemplo, o advogado consegue concentrar todas as informações do cliente em um local só. Isso facilita o trabalho e também o atendimento, já que é possível encontrar tudo o que você precisa com apenas alguns cliques.

Por fim, apostar no marketing jurídico também é uma boa opção. Com o desenvolvimento da tecnologia, o advogado precisa investir muito pouco para ter visibilidade. Com um bom site, práticas de SEO e uma página nas redes sociais, por exemplo, o seu escritório pode alcançar as primeiras posições dos buscadores. Investindo em um bom conteúdo, você pode construir uma boa presença online e mostrar para o mercado que o seu escritório é uma autoridade em determinado tema do Direito.

Investir em melhorar a reputação do seu escritório é uma ótima maneira de começar o ano e ter melhores resultados. Vale a pena montar um plano de ação!

Gostou dessas dicas? Então, não deixe de conferir também a importância de participar de eventos jurídicos e conseguir mais clientes! Clique aqui e saiba mais!