Entenda o que é Saas e veja como torná-los seu aliado

saas

SaaS é uma sigla que significa Software as a Service. Trata-se de um novo modelo de comercialização de serviços de tecnologia, onde o acesso vale mais do que a licença em si.

Antigamente, para se ter um software era necessário comprar a licença e, dependendo da complexidade do sistema, hardwares potentes eram necessários para que ele funcionasse. Com o SaaS essa realidade mudou. Em vez de comprar uma licença, o usuário adquire diretamente o serviço de uma empresa. O usuário paga apenas pelo acesso e toda a estrutura do software fica armazenada na nuvem.

Na advocacia, quem já teve um software jurídico no passado sabe que a tecnologia evoluiu e os SaaS já estão disponíveis para o advogado. Para entender o que é o SaaS e como ele pode se transformar em um aliado do seu escritório não deixe de conferir!

SaaS: a evolução do software jurídico

Os softwares jurídicos não são uma novidade entre os advogados. Muitos escritórios já utilizavam sistemas próprios, que foram adquiridos através da compra de uma licença. Esses sistemas, no entanto, exigiam hardwares robustos para que pudessem rodar. Isso sem mencionar a contratação de um profissional de TI, que acabava sendo quase obrigatória.

Não por outro motivo, os softwares jurídicos eram usados apenas por escritórios de grande porte. Afinal, além de um custo alto, essa ferramenta exigia uma infraestrutura para que pudesse funcionar.

Com o desenvolvimento da tecnologia, surgiram os SaaS, que são os softwares como serviço. Agora, não é preciso adquirir uma licença para usar o software. Com o pagamento mensal dos serviços, o advogado pode ter uma ferramenta bem completa para auxiliar no seu dia a dia.

As vantagens dos SaaS comparadas aos antigos softwares são inúmeras. Para começar, se trata de uma solução bem mais acessível, que pode ser utilizada por escritórios dos mais diversos portes e profissionais autônomos.

Além disso, o usuário pode acessar a ferramenta de qualquer lugar. Usando qualquer dispositivo conectado à internet, o advogado é capaz de checar todas as informações de clientes e processos.

Outra vantagem é que o SaaS tem atualizações automáticas. Justamente por isso, o indivíduo não precisa adquirir uma nova licença para continuar usando o serviço. Por fim, o SaaS pode ser customizado de acordo com as necessidades do usuário e integra-se com outros sistemas de forma muito mais fácil.

Uso do SaaS na advocacia

Hoje o advogado tem à sua disposição uma série de SaaS que estão disponíveis no mercado. Esses softwares jurídicos podem ser adquiridos por bancas de todos os portes, ou mesmo por profissionais autônomos. Além de ser uma ferramenta bastante acessível, os SaaS auxiliam na organização de práticas do escritório, beneficiando toda a gestão.

Com um bom SaaS o advogado ganha em agilidade e produtividade, além de melhorar a sua entrega ao cliente. Com um software jurídico no modelo SaaS, o profissional ganha em acessibilidade e pode checar todas as informações que necessita desde que esteja conectado à internet.

Não é necessário investir em hardwares, nem contratar profissionais de TI. A própria empresa se encarrega de dar o suporte e investe de forma eficiente em segurança. E como explicamos, o SaaS se integra muito mais facilmente a outros serviços. Basta se dar conta que já existem softwares jurídicos que podem ser integrados com o Google Agenda, por exemplo.

Hoje, não existe desculpa! O advogado que quer se modernizar pode e os benefícios são diversos.

SaaS e o futuro da advocacia

A tecnologia vem evoluindo rapidamente e hoje o advogado tem uma série de ferramentas e recursos que são capazes de melhorar o seu dia a dia. Além dos SaaS, ferramentas como chatbots, big data e até a inteligência artificial vem transformando a rotina dos escritórios.

Não é segredo para ninguém que o mercado jurídico está cada vez mais competitivo. Por isso, utilizar ferramentas que melhorem a produtividade e tragam mais agilidade na execução dos serviços jurídicos é uma necessidade e não mais um diferencial.

Infelizmente, alguns advogados ainda insistem em práticas antigas e resistem ao uso da tecnologia. Porém, não apostar nas ferramentas que tem à sua disposição pode ter um custo alto, especialmente quando se trata de posicionamento no mercado e se destacar perante a concorrência.

A tecnologia chegou para beneficiar e o seu uso é um caminho sem volta. Por isso, vale a pena pesquisar sobre quais são os melhores SaaS do mercado e qual é aquele que melhor se adapta as suas necessidades.

Gostou de saber mais sobre o SaaS? Pensando em trocar seu software jurídico? Então, não deixe de conferir nossas dicas! Clique aqui e saiba mais!